Oscar 2015: Melhores Momentos

A edição da noite de Oscar de ontem tinha potencial pra ter sido fantástica (talvez não em nível Ellen DeGeneres-fantástica, mas superior ao que foi). O Neil Patrick Harris tem um currículo legal como host – se você acompanha as premiações do Tony Awards, então sabe do que eu estou falando; entretanto, ontem alguma coisa deu terrivelmente errada.

Fonte: The Guardian

Nessa edição, que muitos já estão rotulando como “a noite mais chata do Oscar dos últimos tempos“, houveram muitas várias tentativas falhas de humor, é verdade, mas também rolou uma porção de discursos provocantes, apresentações emocionantes, e um tributo que trouxe a casa abaixo. E como eu gosto de falar de coisa boa, de saúde, da Iogurteira Top Therm, é isso que eu quero destacar.

1. J. K. Simmons encoraja as pessoas a interagir de forma mais humana

A premiação abriu com a categoria de melhor ator coadjuvante, que foi dada ao brilhante J.K. Simmons por sua atuação em “Whiplash“. Já assistiram? É um baita filme, e o ator, que mereceu cada milímetro daquela estatueta, aproveitou para chamar a nossa atenção dizendo,

“Ligue para a sua mãe. pessoal. Eu já falei isso para um bilhão de pessoas, eu acho. Ligue para o seu pai, ligue para a sua mãe. Se você tem sorte o suficiente de ter um dos seus pais, ou os dois, ainda vivos nesse planeta, não mande mensagens, não envie e-mails – ligue para eles. Diga a eles que você os ama, diga o quanto você é grato a eles, e escute o que eles tem a dizer o tempo que eles quiserem passar falando com você.”

2. Feminismo em voga na noite mais esperada da indústria Hollywoodiana

 Fonte: MTV

Outro discurso que deu o que falar foi o da Patricia Arquette, que levou pela categoria de Melhor Atriz Coadjuvante, por “Boyhood“. A atriz tirou proveito do seu espaço em frente as câmeras para pedir equiparação salarial para as mulheres.

 Fonte: MTV

“A todas as mulheres que deram à luz, e a todos que pagam impostos neste país, nós temos lutados pelos direitos iguais para todos. Chegou a hora de termos salários iguais de uma vez por todas, e de termos direitos iguais para todas as mulheres nos Estados Unidos.”

3. Meryl Streep feminista gera meme
Melhor do que o discurso, que causou rebuliço entre as amigues presentes no Dolby Theatre, só a reação da Meryl Streep a ele. Como não amar?

Fonte: Washington Post

E a internet, que não perdoa, disparou a lançar o que promete ser um dos memes mais engraçados de 2015. O Buzzfeed tem um post super engraçado dando destaque a isso.  Cata, até o Padre Fábio de Melo entrou no bolo.

cade

cade2

4. Por falar em Meryl Streep…

Quem não ficou emocionado com o discurso da diva M ao apresentar o In Memoriam de 2015 -que incluiu nomes como Robbie Williams, James Garner, Lauren Bacall, e o meu diretor preferido de todos os tempos, Mike Nichols; que atire a primeira pedra.

Pra assistir o vídeo completo, clique AQUI.

“Através do trabalho deles, eles dividiram um pedaço de suas almas… Nunca haverá pessoas iguais a eles.” 

5. “Seja você, mesmo que seja estranho, bizarro, bizarro”

 Fonte: TV Tagline

A música é da Pitty, mas a mensagem é bem parecida com a do discurso que Graham Moore, que levou a estatueta por melhor Roteiro Adaptado de “O Jogo da Imitação“.

Nele, ele contou que tentou cometer suicídio aos 16 anos porque ele se sentia estranho e diferente. Ele achava que não pertencia a lugar algum. Mas completou, “agora eu estou aqui.

“Então eu gostaria de dedicar este momento por cada criança por aí que acha que é estranha ou diferente ou que não pertence a nenhum lugar. Você pertence sim, Eu prometo que sim.
Seja estranho. Seja diferente. E quando for a sua vez de subir neste palco, passe essa mesma mensagem para os próximos que estiverem por aí.”

6. “Selma ainda existe”

 Fonte: Huffington Post

Com uma apresentação que comoveu a todos ontem à noite, seguida pelo discurso ao ganhar o prêmio de Melhor Canção pelo filme “Selma“, John Legend lembrou o mundo que “‘Selma’ ainda existe, porque a luta pela justiça ainda existe. Nós sabemos que a luta pela justiça e pela liberdade é real. Atualmente existem mais negros sob vigilância do controle penitenciário do que durante a escravatura em 1850. Nós queremos dizer que quando vocês marcham ao som da nossa canção, nós estamos com vocês, nós estamos vendo vocês, e nós os amamos. Continuem marchando.”

7. As colinas estão vivas… com o som do meu choro


Fonte: Invision Agency

O meu momento preferido, é ÓBVIO, envolveu o meu filme preferido e uma das minhas pessoas preferidas de todos os tempos.

Eu já sabia que tinham programado um tributo ao filme “A Noviça Rebelde“, que a responsável pela homenagem seria a cantora Lady Gaga, e que a Julie Andrews faria uma aparição surpresa. Mas nada poderia ter me preparado para a avalanche de emoções.

Lady Gaga, que chegou de gata borralheira-gone-glam virou Cinderella no palco, e fez jus ao legado de 50 anos com um medley lindo. Gaga foi ovacionada pela plateia presente E pela internet. E mais, ainda ganhou um abraço gostoso da Julie Andrews.

 Fonte: Tumblr

Chorei, chorei, chorei.

8. Todos de pé recebendo a rainha da Genóvia

Fonte: Streeply

Pra assistir ao vídeo, é só clicar AQUI.

9. Reunião Savage Grace, porque a noite foi dos ruivos

Pra quem não sabe, Eddie e Julie trabalharam juntos em um filme chamado “Savage Grace“, e ontem à noite ambos levaram estatuetas para casa. Eddie Redmayne levou o prêmio de melhor ator por “A Teoria de Tudo“, e a linda da Julianne Moore faturou o seu mais-que-merecido prêmio de melhor atriz por “Para Sempre Alice“. (Muito orgulhinho da Julianne Moore, viu? E saudades visitas rápidas a Manaus, pra eu ficar só na vontade de stalkear.)

 Fonte: Tumblr

Julie – é, eu faço a íntima – abriu o seu discurso dizendo que leu uma reportagem na qual afirmam que ganhadores de Oscar vivem cinco anos a mais do que a maioria das pessoas, e que se isso fosse verdade, ela gostaria de agradecer a Academia, porque o marido dela é mais novo que ela. ❤

Moore ainda trouxe luz ao Alzheimer: “tantas pessoas com esta doença se sentem isoladas e marginalizadas,” disse ela, acrescentando que filmes fazem com que as pessoas se sintam mais visíveis e menos solitárias. “E pessoas com Alzheimer merecem ser vistas, para que possamos encontrar uma cura para isso.”

10. Fui stalkeada pela J.Lo e pela Lady Gaga

Só isso explica essa coincidência.

1466274_10155214943100177_7323919632669357644_n

ou não?

mortas

Nunca saberemos.

 

Advertisements

3 thoughts on “Oscar 2015: Melhores Momentos

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s